fbpx
Busca
Webinar
Aulas Gratuítas
Horários
Decreto
Cartilha
Seletivo Medicina
EAD - Formas de Entrada

UNIARP terá testagem rápida para detecção de doenças

Publicação: 19/02/2020

Atividade está sendo organizada pelo acadêmico Eduardo Sttocco, do curso de Farmácia, para o TCC; trabalho contará com a participação da Vigilância Epidemiológica e Secretaria de Saúde de Caçador

Foto: Divulgação

 

O acadêmico Eduardo Sttocco da Silva, da 10ª fase do curso de Farmácia da UNIARP está produzindo seu trabalho de conclusão de curso (TCC), que inclui como atividade prática, a realização de testes rápidos para detecção de doenças a serem disponibilizados para toda a comunidade acadêmica nos meses de março e abril.

Testes de HIV, Sífilis e Hepatite B, serão realizados das 19h às 21h30min, todas as quartas e quintas-feiras nos novos laboratórios da área da saúde, em um ambiente seguro e sigiloso. O atendimento será individual.

A atividade terá a participação de profissionais da Vigilância Epidemiológica em parceria com a Secretaria de Saúde de Caçador.

Os testes são realizados através da punção digital (ponta do dedo) onde uma gota de sangue é aplicada no dispositivo de teste rápido. Após o tempo correto acontece a leitura do resultado do teste. A pessoa submetida ao teste receberá todas as informações necessárias (aconselhamento pré e pós-teste).

A pesquisa do acadêmico Eduardo está regulamentada e foi aprovada pelo Comitê de Ética e Pesquisa com Seres Humanos da UNIARP. Conforme recomenda a resolução 466/12, CNS/MS, será assegurado o sigilo das informações.

Eduardo explica que o objetivo deste trabalho é facilitar o acesso aos testes rápidos com horário alternativo para que os voluntários possam participar. “Também visa a detecção precoce de HIV, Sífilis e Hepatite B, com encaminhamento dos casos positivos para a Vigilância Epidemiológica do município de origem do acadêmico para testes confirmatórios e tratamentos disponíveis para população”, relata.

A iniciativa fortalece ainda a educação em saúde, para conscientização e reforço dos métodos preventivos entre a comunidade acadêmica.

O trabalho do acadêmico está sendo acompanhado pela professora Vilmair Zancanaro.

 

 

Compartilhe !



VOLTAR

Quero Estudar